Alimentos sem Glúten

Voltar para página inicial


Alimentar-se sem glúten não é difícil e muito menos impossível. Frase que ouvi em uma palestra: 
-É impossível se encontrar um alimento sem glúten e se encontramos é muito caro!
Garanto que mais difícil do que encontrar os alimentos, foi o esforço que fiz para não rir, mas compreendo essas dúvidas. Estamos falando do glúten a bem pouco tempo… Alimentos cada vez em maior número são colocados nos supermercados, nicho descoberto em parte a partir do lançamento do meu livro Glúten e Obesidade, a verdade que emagrece em 2006. Não é por acaso que este livro se tornou referência no assunto e é indicado hoje em várias universidades aos alunos de nutrição, assim como sugerido por médicos endocrinologistas. Pesquisei e pesquiso e não é pouco, sobre os malefícios do glúten em pessoas que o consomem em demasia. Até então, os intolerantes ao glúten, conhecidos, eram apenas os celíacos, doença que obriga seu portador a nunca consumir o glúten sob pena de ver sua saúde se deteriorar, até mesmo chegando ao óbito. Hoje sabemos que existem intolerâncias em vários estágios, provocando reações diversas dependendo de cada caso. Descobrir que o glúten me causava a compulsão alimentar que me manteve obesa por longos anos, foi a melhor coisa que já me aconteceu. Sei o quanto melhorei a saúde e quanto este conhecimento tem sido útil a tanta gente! Mas, por ser um assunto ainda pouco explorado pela mídia, não é difícil encontrarmos pessoas que tenham estas dúvidas quanto aos alimentos. Portanto, embora pareçam dispensáveis alguns itens colocados na lista abaixo, coloquei-os propositadamente, para realmente deixar claro, que ao contrário do que se pensa a maioria dos alimentos Não contém glúten! Sorte a nossa! E se você pensa que terá de abrir mão de pizza e massas, está enganada. Já se encontram em casas de produtos naturais e mesmo em alguns supermercados as massas feitas com farinha de arroz, milho e quinoa! Leia abaixo a lista de alimentos sem glúten e saiba que existem muito mais, aproveite que a lei que obriga aos fabricantes colocarem nas embalagens que o alimento contém ou não glúten é respeitada aqui no Brasil e serve de modelo a outros Países, portanto basta ler as embalagens. Afirmo: Se não quiser deixar de consumir totalmente os alimentos com glúten, diminua um pouco o consumo. Sua saúde agradece!
Lista de alimentos SEM GLÚTEN
Frutas
Legumes
Verduras
Farinha de Arroz
Creme de arroz (mesma farinha, vendida em seção de alimentos infantis nos supermercados)
Amido de milho (popular maisena)
Polvilho doce
Polvilho Azedo
Tapioca
Farinha de Mandioca
Fécula de batata
Carnes (frango, peixe, carnes bovinas)
Sal
Açúcar
Chocolate em pó
Cacau (Barras de chocolates e bombons, leia as especificações, alguns contém glúten e outros não).
Gelatinas
Óleos
Manteigas e margarinas em geral
Doces em conservas e em corte
Produtos Prontos em supermercados:
Leia os rótulos existem opções sem glúten em itens como:
Queijos
Requeijão
Yogurtes
Macarrões de arroz, quinoa e milho.
Pães
Biscoitos salgados e doces  (em casas especializadas em alimentos naturais tem mais opções, mas já se encontra em supermercados biscoitos sem glúten).

E muito mais, vocês se surpreenderão com a quantidade de alimentos sem glúten que se encontram à disposição hoje!
Fiquem atentos às especificações dos alimentos, normalmente a frase: Sem Glúten é colocada em destaque. Escolhendo os alimentos sem glúten, mesmo que não estejam fazendo a dieta, melhorarão consideravelmente a qualidade da alimentação.

Regina Racco

Compre os livros Glúten e Obesidade, a verdade que emagrece e A Deliciosa Cozinha sem Glúten com desconto.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 92 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: